Conheça a ortopedia infantil

Conheça a ortopedia infantil

 

A medicina é dividida em diversos segmentos que estudam as mais variadas doenças. Entre elas, está a ortopedia para crianças. Ela estuda a estrutura de locomoção de nosso corpo, entre elas estão nossos ossos, músculos e ligamentos. Contudo, é importante que você conheça a ortopedia infantil e como ela funciona.

 

Esta extensão da medicina é de suma importância, tendo em vista que os problemas ortopédicos em crianças, que ainda estão em fase de crescimento, podem ter mais sequelas do que os de adultos. Então, se você tem ou pretende ter um filho, deve ficar ligado nas doenças mais comuns que os afetam.

 

Doenças

 

Dentre as enfermidades ortopédicas que podem atingir crianças estão:

 

• Doença de Blount: consiste em uma deformidade na tíbia, onde os ossos da região curvam-se para dentro, em direção ao corpo;

• Síndrome de Osgood Schlatter: inflamação que ocorre quando o tendão do músculo da coxa entra em atrito com o osso da canela. É mais comum entre meninos na pré-adolescência e acontece pelo excesso de movimentos repetitivos;

• Pé Torto Congênito: parecida com a Doença de Blount, nela são os pés que se curvam para dentro, em direção ao corpo. Ocorre por alterações nos tecidos do esqueleto;

• Pé chato: causada pela má-formação dos ossos de um bebê, que acontece até os 6 anos de idade. Segundo a Sociedade Brasileira de Ortopedia Pediátrica, essa é um dos motivos mais comuns da visita de crianças aos consultórios ortopédicos.

 

Ortopedista

 

Se você possui uma criança com pique para o esporte, deve ficar atento, mesmo que não conheça a ortopedia infantil. A frequência com que essas atividades são praticadas devem ser planejadas. O excesso delas pode causar problemas em suas articulações. Contudo, caso isso ocorra, procure um médico especialista.

 

O profissional responsável é, claro, o ortopedista. O médico dessa área é essencial no crescimento saudável e qualidade de vida da criança. Ele previne possíveis doenças que podem prejudicar o bem-estar atual e futuro de seus pequenos pacientes.