O novo coronavírus no Brasil

novo coronavírus no Brasil

O Codiv-19 (coronavírus) chegou ao Brasil e preocupa diversos setores do país. Segundo últimos dados do Ministério da Saúde, já são 200 casos confirmados da pandemia (decretada pela Organização Mundial da Saúde – OMS) e crescendo. Suas características são semelhantes as de uma gripe e são proliferadas rapidamente. São Paulo é a cidade com o maior número de casos, com 136 em sua última atualização, seguida do Rio de Janeiro, com 24.

 

O novo coronavírus no Brasil

 

O primeiro caso registrado no Brasil foi de um idoso de 61 anos que havia viajado para a Itália – país que encontra-se em estado crítico por conta da pandemia. Até o momento, um brasileiro entre os diversos outros infectados já foi curado, segundo coletiva de imprensa realizada pela Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo em juntamente com o Ministério da Saúde.

 

Programações de televisão, aulas e eventos grandes estão sendo remarcados ou cancelados por conta do novo coronavírus no Brasil.

 

Sintomas e grupos de risco

 

A doença pode se manifestar de forma inofensiva, como dito anteriormente, com sintomas de gripe. Logo, o infectado pode sentir uma febre que antecede tosse seca e, após dias, começar a ter falta de ar.

 

O principal grupo de risco do coronavírus são os idosos e pessoas com doenças pré-existentes, como diabetes, asma e doenças cardiovasculares. Esses grupos estão mais propensos a ficarem hospitalizados por conta do Codiv-19. Pessoas mais jovens e sem essas limitações não correm o risco de atingir a mesma gravidade da doença. Contudo, é importante que pessoas de todas as idades se previnam.

 

Orientações de prevenção

 

Para evitar a disseminação do coronavírus, o Governo vem divulgando diversas medidas protetivas. Entre elas estão:

 

– Lavar as mãos com sabão;

 

– utilizar álcool em gel ao tocar em lugares que muitas pessoas tocam;

 

– usar lenços descartáveis para tocar no nariz e olhos;

 

– evitar aglomerações.

 

No aparecimento de qualquer sintoma, é importante que um médico adequado seja consultado imediatamente. Então, cuide-se! Sua saúde vem sempre em primeiro lugar.